Avril Lavigne está de volta! O que esperar do novo álbum da cantora?
20/09/2018 07:58 em Música

Após uma pausa de cinco anos no lançamento de seus discos, Avril Lavigne anunciou recentemente que está em processo de gravações.

Conhecida por ser uma das estrelas que marcou os anos 2000, Avril está prestes a voltar com tudo para os holofotes da música. Mas após tanto tempo, o que esperar do novo álbum da  cantora?

Avril Lavigne iniciou sua carreira musical ao assinar contrato em dezembro de 2001, após uma apresentação feita pela cantora em uma feira

Avril Lavigne iniciou sua carreira musical ao assinar contrato em dezembro de 2001, após uma apresentação feita pela cantora em uma feira

Desde que Avril Lavigne apareceu nos palcos, conquistou o mundo com seu estilo ‘muleka’ de ser. Cheia de atitude e com uma personalidade marcante a cantora surgiu com canções compostas por uma pegada rock que fez o público vibrar.

Considerada por muitos a ‘ princesinha do rock ’, Avril geralmente traz em suas músicas mensagens que demostram empoderamento feminino, mas ao mesmo tempo romantismo. Deixando em evidência uma visão feminina forte, as letras além de inspirarem seus milhões de fãs trazem em si uma própria versão da cantora.

Com uma mistura de rock alternativo, pop rock e pop punk, Lavigne mostra há quase duas décadas seu talento incrível através de suas canções. Fato totalmente compreensível, para quem aprendeu a tocar guitarra sozinha aos 14 anos de idade, e ainda toca bateria, piano e contrabaixo.

 

A evolução de seus álbuns

Under My Skin é o segundo álbum de estúdio da cantora e compositora canadense Avril Lavigne, lançado no dia 25 de maio de 2004

Under My Skin é o segundo álbum de estúdio da cantora e compositora canadense Avril Lavigne, lançado no dia 25 de maio de 2004

Uma característica fácil de perceber ao longo da carreira da princesinha do rock é que seus álbuns tiveram uma trajetória composta por algumas mudanças a cada lançamento. Em seu primeiro álbum, “Let Go”, Avril destacou em suas músicas uma pegada mais hardcore punk e com letras menos amigáveis como Complicated e Sk8er Boi .

 

Seu segundo trabalho, “Under My Skin”, considerado o mais pesado até o momento, com uma produção mais focada em um rock com elementos do pós-grunge, foi comporto por músicas com letras mais emotivas que marcaram a história da cantora. A própria artista já contou que vê o trabalho como o “mais escuro, sombrio, profundo e maduro” de sua vida. Entre as músicas se destacaram Don’t Tell Me , He Wasn’t e Nobody’s Home .

O disco

O disco “Under my Skin”, lançado em 2014, aumentou a especulação das pessoas sobre a Avril Lavigne

Já seu terceiro álbum, “The Best Damn Thing”, foi a mudança mais perceptiva da cantora. Focado em ser divertido para o público, o trabalho contou com influências do pop punk e do teen pop. Apesar de não ter sido produzido com uma pegada mais sentimental e realista, as letras foram compostas por temas relacionados ao amor e a autoconfiança feminina, fazendo um enorme sucesso com Girlfrien d. A música obteve tanta repercussão que seu videoclipe foi o primeiro a alcançar um milhão de visualizações dentro do YouTube.

Seu quarto disco “Goodbye Lullaby”, seguiu praticamente na mesma pegada de “The Best Damn Thing”, com uma influência mais pop e músicas emocionantes. Avril descreveu o álbum como “mais despojado e profundo”. O disco foi tão aclamado pelos fãs, que Avril foi vista por muitos como uma poeta ao produzir músicas mais alternativas e marcantes como Smile .

Já seu quinto e até o momento último álbum, “Avril Lavigne”, é a produção mais artística de cantora. O trabalho teve um grande diferencial de “Goodbye Lullaby” e trouxe em suas canções uma mistura alegre de pop rock, pop, piano e letras mais rebeldes, misturando juventude e amor. Entre as músicas se destacaram Rock N’ Roll , Here’s to Never Growing Up e Hello Kitty .

 

Influências para músicas boas não faltam

Além da carreira de cantora, Avril Lavigne também desenvolve trabalhos paralelos na área do design de moda

Além da carreira de cantora, Avril Lavigne também desenvolve trabalhos paralelos na área do design de moda

Desde o começo de sua carreira, Avril sempre teve inspirações que fizeram com que sua música fosse extremamente atrativa para o público. Tendo em suas influências bandas como Nirvana, Green Day, Blink-182 e System of a Down, a canadense conseguiu continuamente, ao longo de seus 17 anos de carreira, criar músicas tão boas que não importa o tempo que passe, sempre serão ótimas para serem ouvidas.

 

Com um grande talento para composição, a princesinha do rock já escreveu mais de 100 canções. Além disso, a roqueira valoriza muito a questão de produzir seus próprios hits e já rejeitou inúmeras músicas prontas de outros artistas para entrarem em seus álbuns.

Avril Lavigne lança 'Head Above Water', música em que fala sobre sua luta contra a doença de Lyme

Avril Lavigne lança ‘Head Above Water’, música em que fala sobre sua luta contra a doença de Lyme

Após as declarações recentes de Avril, em que expôs sua luta contra a doença de Lyme, o que podemos esperar é que seu novo trabalho será preparado como se fosse uma carta aberta aos fãs. Também pode se aguardar algo muito mais íntimo, especial e intenso lembrando traços de “Under My Skin”. 

Analisando ainda o percurso de sua carreira musical também é perceptível que seu novo álbum será composto por uma boa produção, uma boa melodia e uma boa composição, como de costume. Prova disso é a primeira música divulgada do disco de retorno, Head Above Wate r, que foi lançada oficialmente no dia 19 de setembro em todas as plataformas digitais.

Na canção, onde Avril fala sobre sua batalha contra a doença de Lyme e pede para Deus não deixá-la afundar, é possível perceber com qual intensidade o novo álbum da roqueira se constrói. Depois de cinco anos, os fãs provavelmente irão poder estar mais próximos de Lavigne e entender o que ela passou durante todo o processo que esteve afastada da mídia.

 

Além do mais, tudo indica que o novo álbum deve vir recheado de boas músicas, assim como seu último trabalho que vendeu mais de 44 mil cópias na primeira semana nos Estados Unidos e entrou por 20 semanas em 17 paradas diferentes. Não há dúvidas que Avril Lavigne, nossa eterna princesinha do rock ,  irá mostrar mais um excelente trabalho com canções totalmente estruturadas, capazes de animar e emocionar seus milhões de fãs pelo mundo. 

FONTE:  FOTO: REPRODUÇÃO                                 

COMENTÁRIOS