Rede Top entra no atacarejo e prevê investimentos de R$ 120 milhões em dois anos
05/11/2018 10:16 em NOTÍCIAS

Além da bandeira Preceiro, empresa continuará abrindo novas lojas Top, incluindo uma no bairro Água Verde, em Blumenau .

Com 23 lojas espalhadas em 14 cidades catarinenses, do Litoral Norte ao Médio e Alto Vale, a Rede Top vai entrar no atacarejo, segmento que mais cresce no ramo de supermercados. A empresa está lançando a bandeira Preceiro, que já tem três unidades mapeadas.

A de estreia será inaugurada ainda neste mês em São Francisco do Sul, região Norte do Estado. As outras duas ficarão em Blumenau, no bairro Itoupava Central, e em Camboriú. Ambas abrem as portas logo no primeiro semestre de 2019.

O empresário Paulo Cesar Lopes, um dos fundadores da rede e atual presidente do Conselho de Administração, diz que “o modelo veio para ficar”, reforçando que atacarejo vem crescendo dois dígitos ao ano mesmo em períodos de crise. Cita como um dos fatores para o sucesso do segmento o fato de o consumidor buscar preços competitivos, comportamento que se acentuou ainda mais em meio à recessão da economia.

 

Todas as futuras lojas Preceiro serão novas – nenhuma das atuais unidades Top será remodelada. De acordo com Lopes, elas terão um formato mais compacto em comparação a outras redes, de 2,5 mil a 3 mil metros quadrados. A ideia é estabelecer uma espécie de atacarejo de vizinhança, complementa o empresário. Além das três cidades já definidas para a largada do projeto, outras já estão sendo estudadas, incluindo Joinville.

O objetivo da Top é dobrar o faturamento, que deve terminar 2018 em R$ 800 milhões, para cerca de R$ 1,5 bilhão ao final de 2020, diz Lopes. O plano vai exigir pé no acelerador: para chegar lá, o executivo acrescenta que a rede precisará abrir 18 novas lojas em dois anos. O investimento será de pelo menos R$ 120 milhões. É uma quantia diluída porque a construção das unidades fica a cargo de parceiros externos, que depois recebem o retorno em forma de aluguel.

Investimentos e empregos

Até outubro do ano que vem a rede vai investir R$ 30 milhões, com geração de cerca de 500 novos empregos. Desta quantia, R$ 22 milhões serão destinados às novas lojas Preceiro. Cada uma delas deve abrir 120 postos de trabalho. Os outros R$ 8 milhões serão aplicados em equipamentos e estoque de um novo supermercado da bandeira Top que ficará no bairro Água Verde, com expectativa de geração de mais 150 vagas.

Neste caso, a loja vai funcionar junto a um centro comercial que será erguido em um terreno entre as ruas Guilherme Poerner e Johann Ohf, em frente ao entroncamento dessas vias com a General Osório (Leite Trevo). Além do supermercado, o espaço terá praça de alimentação e outras operações de apoio.

Nova sede

 

Por falar em supermercados, a associação catarinense do setor (Acats) inaugura em dezembro nova sede em Florianópolis. O prédio está sendo construído em parceria com a Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc).

FONTE:  POR PEDRO MACHADO    FOTO: PATRICK RODRIGUES

COMENTÁRIOS