Receita com a venda de chope na Oktoberfest soma R$ 14,26 milhões
07/11/2018 09:04 em NOTÍCIAS

A receita com a venda de bebida alcoólica (leia-se chope) na Oktoberfest deste ano foi de R$ 14,26 milhões, alta próxima de 7% em relação à edição de 2017, quando o volume chegou R$ 13,31 milhões.

Já é, neste quesito, um novo recorde financeiro para a festa, dentro da margem esperada. Desta quantia, a organização fica com 17% das vendas da cervejaria oficial (Eisenbahn) e com 14% das artesanais.

O dado é proporcionalmente maior do que o crescimento do consumo, que avançou 1,86% – neste caso, é incluído na conta o chamado consumo periférico, que acontece nos camarotes e bares da Vila Germânica.

Foto: Gilmar de Souza, BD

A diferença se deve ao reajuste de R$ 1 no preço dos copos, de R$ 9 para R$ 10 em relação ao chope pilsen e de R$ 10 para R$ 11 para os estilos especiais. Além disso, vale lembrar que o chope Schin, que era mais em conta, também não foi servido em 2018 por decisão da Heineken, dona da Eisenbahn.

Este será um dos destaques do balanço financeiro final da Oktoberfest que será apresentado no dia 19 deste mês. Conforme a coluna já havia adiantado, a festa terá novo recorde de lucro neste ano – em 2017, foi de R$ 4,2 milhões.

Isso porque, além do acréscimo com a receita vinda do consumo de chope, o crescimento da alimentação e o aumento do número de patrocinadores ajudarão a engordar os números definitivos.O resultado é importante porque parte desse superávit é usado para custear outras ações e atrações relacionadas ao turismo blumenauense.

FONTE:  POPR PEDRO MACHADO   FOTO: REPRODUÇÃO

 

COMENTÁRIOS