47% dos brasileiros aumentaram as compras online em 2020
10/02/2021 17:44 em Tecnologia

No Brasil, 47% dos habitantes têm feito mais compras online do que faziam antes da pandemia causada pela covid-19. Os países que mais aumentaram a frequência de compras online foram o Chile (59%), Reino Unido (55%), Turquia e Coreia do Sul (54%).

Enquanto 47% das pessoas no Brasil estão comprando mais pela internet, 17% relataram comprar menos e 36% compram tanto quanto antes. Os dados são da pesquisa Shopping During The Pandemic, realizada pela Ipsos com 20.504 entrevistados de 28 países.

A crise e as exigências de distanciamento social trouxeram diversas mudanças para o dia a dia da população e, principalmente, para a economia local. Segundo a pesquisa, com o aumento das compras em plataformas digitais, 36% dos entrevistados no país disseram que estão comprando menos em lojas pequenas, de comércio local, se comparado ao período pré-pandemia. Por outro lado, apenas 15% da população continua frequentando estabelecimentos com a mesma frequência de antes.

Delivery

O brasileiro também tem evitado comer fora. Segundo a pesquisa,  67% da população declarou estar indo a restaurantes locais com menos assiduidade do que antes. Apesar disso, dos 28 países participantes da pesquisa, apenas 8 apresentaram um índice de pessoas que aumentaram o consumo por delivery mais alto do que o de pessoas que diminuíram. São eles: Chile, Colômbia, Malásia, Estados Unidos, Bélgica, Coreia do Sul, Alemanha e Holanda.

“Comprar menos por delivery não significa que o mercado de aplicativos esteja prejudicado, pois está em plena expansão, mas sim que restaurantes que não se adequam a este novo canal perdem apelo ao consumidor. É importante que as empresas do ramo tenham uma estratégia para não ficar de fora do leque de decisão do comprador”, analisa Rafael Lindemeyer, diretor de negócios na Ipsos.

 

FONTE: POR GIOVANNA FANTINATO

FOTO:REPRODUÇÃO

COMENTÁRIOS